• Da redação

Março Amarelo Pet, um alerta sobre Doenças Renais em cães e gatos

Na mesma onda do Outubro Rosa e o Novembro Azul, o Março Amarelo Pet é um alerta para a conscientização e prevenção de um grupo de doenças que mais acometem cães e gatos: as doenças renais.

Março Amarelo Pet é um alerta para a conscientização e prevenção das doenças renais

Durante o Março Amarelo Pet, tutores responsáveis são conscientizados sobre a importância dos exames de rotina, como urina e sangue, na descoberta precoce das doenças renais. Além de receberem informações sobre a prevenção e tratamento desse grupo de doenças.

Os exames de urina e de sangue são simples e baratos e valem a pena serem feitos a cada ano, apenas para checar as condições do sistema urinário de cães e gatos. Caso haja alguma alteração nos exames, o mais indicado é realizar um exame de imagem, como o ultrassom, para averiguar ao fundo o que está acontecendo com o seu pet.

Apesar dos gatos, por sua conformação física serem animais muito mais propensos à desenvolverem doenças renais, os cães também são bastante atingidos. Principalmente, os animais de meia idade a idosos. E é sempre bom ficar atento!

O que são doenças renais

As Doenças Renais são um grupo de doenças que atingem os rins do animal, fazendo com que eles deixem de funcionar corretamente. Os rins além de filtrarem o sangue, produzem hormônios, controlam a pressão arterial e mantém o balanço hídrico e eletrolítico do organismo.

Existem dois tipos de Doença renal: a aguda, onde os sintomas aparecem subitamente e que pode ser muito grave. E a crônica, onde os rins não são mais capazes de efetuar de maneira correta as suas funções reguladora, excretora e endócrina. A doença é considerada crônica quando as alterações nos rins do animal persistem por mais de 3 meses.

A doença renal pode acontecer por inúmeras causas desde problemas de má formação congênita, doenças do sistema urinário e até mesmo, a presença de cálculos que obstruam o fluxo de urina. As causas mais frequentes são: infecções, idade, parasitas, câncer, inflamações, doenças autoimunes, trauma, reações a venenos ou medicamentos e doenças congênitas.

Animais idosos ou que sofrem com problemas cardíacos têm mais predisposição para desenvolver a insuficiência renal.

Os sintomas variam conforme o tipo doença renal, mas os principais incluem vômito, diarreia, emagrecimento ou perda de peso excessiva e rápida, desidratação, urina em excesso ou ausência de micção, urina com sangue.

Qualquer doença renal tem tratamento. Algumas poderão ser curadas, e outras controladas para melhorar a sobrevida e a qualidade de vida do pet.

Gatos

As doenças renais podem atingir cães e gatos. Mas são muito frequentes em gatos, principalmente em sua forma crônica.

Os gatos possuem menos néfrons, estruturas microscópicas que são responsáveis pela boa atividade dos rins, do que humanos e cães. E justamente por isso, têm mais tendência a desenvolverem doenças renais. Além disso, a urina dos gatos também é mais concentrada, facilitando o acúmulo de sedimentos no trato urinário, formando os cálculos ou pedras que podem se formar nos rins ou na bexiga. Quando os cálculos migram para a uretra, podem causar obstrução e uma dor excruciante no animal.

Prevenção

A prevenção das doenças renais inclui dieta balanceada com ração de excelente qualidade e sem corantes ou conservantes químicos, boa ingestão de água, exercícios e exames regulares de sangue e urina. No caso de gatos, é indicada a substituição de uma das refeições por ração úmida, que pode ser a industrializada ou uma ração caseira, desenvolvida por um médico veterinário nutricionista.

Além disso, é muito importante que todo tutor se comprometa a incentivar o consumo de água pelos pets.

Aproveite o Março Amarelo e faça os exames de rotina para prevenção das doenças renais no seu cão ou gato!

Março Amarelo Pet

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.

[ Últimas Notícias ]________________________