• Fonte: Prefeitura de Ilhabela

Fazenda do Engenho D’Água em Ilhabela será aberta a visitação pública

A fazenda tem uma longa história com o arquipélago e agora poderá receber visitações em sua área externa.

Fazenda Engenho D'água - Foto: Divulgação/PMI

A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Cultura, irá abrir para visitação pública, a partir desta quinta-feira (29), às 10h, o Circuito Externo da Fazenda Engenho D’Água.

A fazenda tem uma longa história com o arquipélago e agora poderá receber visitações em sua área externa. “A Fazenda Engenho D’Água faz parte da história do povo caiçara, seu engenho foi fonte de renda para muitas famílias no século passado, e nunca perdeu o seu encanto, a sua beleza que fascina quem passa por ela. Com as portas abertas a população local e os turistas poderão conhecer um pouco mais deste importante local histórico da nossa cidade”, declarou o prefeito Márcio Tenório.

O percurso se dá pela área externa, não contemplando a sede (para a qual será elaborado um projeto específico), obedecendo as regras de visitação. “O circuito tem início a partir dos jardins da fazenda, local onde antigamente se desenvolvia cultivos de gêneros alimentícios para consumo próprio. Ali o visitante poderá contemplar a edificação e suas características arquitetônicas preservadas em sua face externa, bem como a bela paisagem, também tombada como patrimônio nacional”, disse o secretário Nuno Gallo.

O roteiro segue pela estrada de acesso ao reservatório de abastecimento e distribuição de água para a produção de aguardente, o qual mantém preservadas as comportas originais de escoamento. Os visitantes passarão ainda pelo aqueduto que conduzia a água represada e também a roda d’água que movimentava o maquinário para moagem da cana de açúcar.

A visita será finalizada na visitação dos tonéis de armazenagem e área de envasamento da famosa aguardente denominada “Fazenda Engenho D’água”, vendida em Ilhabela e nos mercados de Santos para onde era transportada em canoas de voga.

A Fazenda Engenho D´Água

A Fazenda Engenho D’ Água corresponde a exemplar arquitetura civil datada do século XVIII, e apresenta semelhanças com as construções mineiras de meia encosta, sugerindo uma mesma origem e época. Esta construção abrigava num mesmo local moradia e espaço destinado à produção de aguardente, atividade que perdurou até as primeiras décadas do século XX, não sendo ainda conhecida a data exata do seu término.

A fazenda foi restaurada na década de 1940 e tombada em 1951 pelo antigo SPHAN, atual IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, em ação de salvaguarda realizada por Carlos Drummont de Andrade. A fazenda também é tombada pelo CONDEPHAAT.

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.

[ Últimas Notícias ]________________________