• Fonte: Prefeitura de São Sebastião

São Sebastião oferece curso aos artistas orientadores das Oficinas Culturais de Dança e Teatro

A formação também será aberta para a população geral, professores, pesquisadores do teatro-educação e performers.

Cartaz de divulgação do evento

Nos dias 7 e 8 de julho, respectivamente sábado e domingo, a Prefeitura de São Sebastião, por meio da Fundação Educacional e Cultural de São Sebastião “Deodato Sant’Anna” (FUNDASS), oferecerá aos artistas orientadores das oficinas culturais de dança e teatro o curso “Método TCH: Treinamento Para Um Corpo Híbrido”, coordenado pela atriz e diretora artística Fabiana Monsalú.

Realizada em parceria com a Poiesis Organização Social de Cultura - Programa Oficinas Culturais da Secretaria de Estado da Cultura do Governo de São Paulo, a atividade acontecerá das 10h às 13h e das 14h às 17h, na sede da Secretaria de Turismo (SETUR), localizada na Rua da Praia.

A formação também será aberta para a população geral, professores, pesquisadores do teatro-educação e performers. Para se inscrever, o interessado deve entrar em contato com a FUNDASS, pelo telefone (12) 3892-2815, ou comparecer diretamente na sede, localizada na Rua Expedicionários Brasileiros, nº 171, Centro.

O Curso

O Método TCH é sistematizado entre a teoria e a prática. Por meio da revisitação de técnicas milenares e procedimentos orientais, o treinamento tem foco na expansão e dilatação corporal para outras possibilidades da cena. O caminho para a corporeidade híbrida se dá no trânsito entre o animal e o humano; no diálogo entre o corpo e a cena, visando a construção de um corpo sincopado e vibrante, reformulado pela disjunção de espécies distintas que modificam o tônus muscular do ator, ampliando o vocabulário de movimentos do ator, o ritmo e a maneira de dialogar com o outro em cena.

Fabiana Monsalú

Atriz, diretora artística, mestre em teoria e prática do teatro pelo Programa de Pós Graduação em Artes Cênicas da Universidade de São Paulo – USP, licenciada em teatro pela Universidade Federal da Bahia e fundadora da CompanhiaDaNãoFicção desde 2006, onde vem o desenvolvendo suas pesquisas no campo do Teatro Contemporâneo, mantendo diálogo direto com os Territórios e fronteiras da "Cidade como Plataforma de Criação", em que as poéticas entre a ficção e a realidade fazem do teatro um arcabouço híbrido na construção da cena.

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.

[ Últimas Notícias ]________________________