• G1 Vale do Paraíba e Região

Pais de alunos reclamam de atraso na entrega de uniformes em São Sebastião

Prefeitura alegou que a empresa responsável pelos uniformes não pode mais fornecer as peças porque foi considerada imprópria pela Justiça.

Alunos das escolas municipais de São Sebastião ainda estão sem uniforme - Fotograma: G1

Pais de alunos da rede municipal de São Sebastião (SP) reclamam que os estudantes ainda não receberam os uniformes. Mães reclamam que a entrega do vestuário para o inverno foi uma promessa da prefeitura e criticam a qualidade das peças de verão, que foram fornecidas com atraso. A prefeitura alegou que a empresa responsável pelos uniformes não pode mais fornecer as peças porque foi considerada imprópria pela Justiça Federal. (leia mais abaixo)

A dona de casa Elaine Ramos tem dois filhos na rede municipal. O kit de uniforme de verão da filha de três anos só chegou em maio. Como já estava frio, a criança não conseguiu usar. "Ela estuda de manhã, não tem como ir de regata para a escola", disse Elaine.

O logo da prefeitura no uniforme está saindo e uma das bermudas já abriu um buraco na costura. "Caiu muito a qualidade, está descosturando. Além de que parece fresco, mas é um uniforme quente para o verão", falou Elaine.

A dona de casa Tânia Maria do Carmo mora no bairro Morro no Abrigo e tem três filhos na rede municipal. A menor, de quatros anos, está indo para as aulas só com a camiseta da escola, uma regata. Como está frio, ela também vai com uma calça e um agasalho, que foram comprados pela mãe. "Nós já temos uma condição financeira difícil e ainda temos que comprar a roupa pros filhos irem pra escola?", disse Tânia.

Em março, quando a prefeitura começou a entrar os uniformes, a administração disse que os 15 mil alunos da rede municipal receberiam o kit de verão. Os pais foram avisados que as roupas de frio seriam entregues em uma segunda-feira. O inverno termina em setembro e os launos ainda não têm previsão de receber os uniformes.

"O que eles falam é que como houve um problema com o uniforme de verão, parece que foi cancelado e não vão entrar o uniforme de inverno", falou Tânia. "O uniforme de inverno que foi prometo a própria escola já disse que não tem previsão de vir mais esse ano", disse Elaine.

O que diz a prefeitura

A prefeitura alegou que a empresa responsável pelos uniformes não pode mais fornecer as peças porque foi considerada imprópria pela Justiça Federal. "Estamos seguindo uma decisão da justiça. A empresa da licitação de uniforme foi considerada inidônea, ou seja, ela não poderia mais fornecer para a prefeitura. Como foram feitos em dois lotes, o de verão foi entregue e o de inverno a gente não pode mais trabalhar com essa empresa", explicou Fábio Aranha, secretário de educação.

Sobre a qualidade das roupas, o secretário não considera que as peças apresentam condições ruins. "Tivemos alguns problemas com o adesivo. Em algumas situação eles soltaram por causa da lavagem. Num primeiro momento elas foram trocadas, porém com essa situação na justiça também tivemos que paralisar isso. Eu não entendo que era uma qualidade ruim", disse o secretário.

O G1 procurou a empresa responsável pelo fornecimento dos uniformes, mas ninguém se pronunciou sobre o assunto.

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.