• Catraca Livre

Luisa Mell salva 1.707 cachorros de canil em situação de maus tratos e é ameaçada de morte

A Petz, a maior rede de pet shops do Brasil, e uma das clientes do canil em Piedade, anunciou que irá deixar de comercializar animais em suas lojas.

Mais de 1.700 animais viviam em situação de maus tratos. Canil foi estourado pela Polícia Ambiental - Foto: Divulgação

Nos últimos dias, a ativista pelos direitos dos animais Luisa Mell tem compartilhado em sua conta no Instagram o salvamento de 1.707 cachorros que estavam aprisionados em condições alarmantes no Canil Céu Azul, em Piedade, interior de SP, e seriam destinados à venda em pet shops e outros centros comerciais.

O Instituto Luisa Mell tratou de arranjar rapidamente três abrigos para tratar os cães e mantê-los temporariamente, até que sejam destinados a lares amorosos, sem vínculos comerciais. A ação refletiu em um resultado importante e até mesmo histórico. (confira a reportagem do Brasil Urgente)

A PETZ, a maior rede de pet shops do Brasil, e uma das clientes do canil em voga, anunciou que irá suspender a venda de filhotes em suas lojas. O presidente da empresa, Sergio Zimerman, gravou um vídeo em que afirma que as 82 lojas do grupo PETZ, espalhadas pelo país, não comercializarão mais cães e gatos. Confira o posicionamento de Sergio Zimerman no Instagram.

Ameaças de morte

As ações de Luisa Mell irritaram profundamente os criadores de cachorros. Em vídeo postado no Instagram na noite da terça-feira, 19, a ativista afirma que tentaram invadir o centro de triagem em que os cães eram separados para serem destinados a seus lares, e ainda teria recebido ameaças de morte. A ativista precisou ser escoltada até sua casa pela Polícia Militar do Estado de São Paulo.

“Quando eu falo que esse tipo de criador é bandido é porque é. Olha, gente, tive que ir embora escoltada porque fui ameaçada de morte”, relatou Luisa Mell pelo Stories do Instagram. Na manhã da quarta-feira, 20, a ativista ainda afirma que os criadores teriam colocado fogo na porta do centro de triagem.

Faça as contas

Pensando que cada cãozinho pode ser vendido a uma média de R$ 3 mil em pet shops, Luisa Mell teria causado um prejuízo de cerca de R$ 5 milhões ao comércio de cachorros de raça.

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.