• Fonte: Prefeitura de São Sebastião

Projeto Onda Azul promove primeira aula do ano em São Sebastião

O Onda Azul proporciona aulas de surfe para pessoas com transtorno do espectro autista.

Foto: Divulgação/PMSS

O Projeto Onda Azul realizou a primeira aula do ano no último sábado (23/02), na praia de Maresias, Costa Sul de São Sebastião. O Onda Azul proporciona aulas de surfe para pessoas com transtorno do espectro autista.

Antes da chegada dos surfistas, os voluntários receberam orientações gerais dos coordenadores do projeto e se organizaram para acolhimento dos participantes e suas famílias.

Seguindo a metodologia proposta e desenvolvida para atender as pessoas com autismo, a aula iniciou com alongamento coordenado por Rafael Dias de Carvalho, voluntário que trabalha no Instituto Esporte Educação.

Após o aquecimento, alguns surfistas foram para água, conduzidos pelos voluntários de mar e outros brincavam na areia, na companhia dos voluntários de areia. Aproximadamente 15 surfistas participaram da ação, sendo que cerca de 70 pessoas, entre voluntários e familiares, participaram da ação na praia.

Uma mãe de um surfista que estava presente na praia, Thais Honorato, comentou com alegria o fato de seu filho participar do Onda Azul. “Sabe quando você tem certeza, que hoje é um dos dias mais especiais da vida seu filho? Eu não estou exagerando, o Fabinho sempre amou praia, mar ou o oceano, como ele mesmo diz. Esse é um projeto voltado para crianças dentro do espectro autista e cheio de amor”, disse ela.

Para uma das coordenadoras do projeto a atividade foi fantástica. “Tivemos desta vez três surfistas que estavam indo pela primeira vez e um deles já ficou em pé na prancha; tivemos um surfista participando pela segunda vez e que nos surpreendeu remando e surfando sozinho pela primeira vez; contamos com a colaboração de mais voluntários que na última aula e os dois fatos mais emocionantes deste dia foi um dos surfistas que há muito tempo não entrava no mar para surfar e surfou sozinho com o pai, ambos compartilhando do prazer de deslizar nas ondas na mesma prancha; e uma das crianças que raramente se aproxima de alguém ficou por muito tempo perto de um voluntário tirando selfies com o celular dele. Para alguns autistas esta aproximação espontânea pode ser muito difícil. No Onda Azul ela é necessária no mar para que eles possam ter apoios para o surf. Mas na areia, quando ela acontece assim, de forma tão espontânea e feliz, no caso deste menino por exemplo, é realmente muito emocionante. Mais uma vez agradeço em nome da Associação Onda Azul, pelo apoio de nossos parceiros, o Instituto Gabriel Medina, o Instituto Esporte Educação, a Arte SUP; além de nossos voluntários ”, completou Sandra.

A organização enfoca que as vagas para o Onda Azul ficam abertas durante o ano inteiro. Para participar é preciso se inscrever na Secretaria da Pessoa com Deficiência e do Idoso (SEPEDI) ou pelo e-mail ondaazulsaosebastiao@gmail.com. Quando as vagas forem preenchidas será aberta uma lista de espera. Para fazer a inscrição será necessário preencher um questionário, um termo de responsabilidade, assinar uma autorização para uso de imagem e entregar uma foto 3x4.

Serviço

A Secretaria da Pessoa com Deficiência e do Idoso (SEPEDI), está localizado na Avenida Guarda Mor Lobo Viana, 812.

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.