• G1 Sul do Rio e Costa Verde

Forças de segurança atuam em Angra dos Reis um dia depois de ataque a comboio com urânio

Ação acontece nos bairros Belém e Frade, que sofrem com brigas entre facções criminosas. Tiros contra a escolta não tinham relação com a carga especial, afirma a Eletronuclear.

Comboio que transportava urânio foi atacado por bandidos na Rio-Santos — Foto: Redes Sociais

Policiais militares das unidades subordinadas ao Comando de Operações Especiais (COE) fizeram nesta quarta-feira (20) uma operação de segurança em Angra dos Reis, na Costa Verde do Rio de Janeiro. A ação aconteceu nos bairros Belém e Frade, comunidades onde, segundo a Polícia Civil, acontecem com frequência brigas entre facções criminosas pelo domínio do ponto de venda de drogas. Até a publicação desta reportagem, a operação seguia em sigilo e não havia sido divulgado nenhum balanço.

Participam da operação integrantes do Batalhão de Ações de Comandos (BAC), do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do Grupamento Aeromóvel (GAM).

Ainda não é possível afirmar se há alguma relação, mas a ação acontece um dia depois que um comboio responsável pelo transporte de uma carga de urânio sofreu um ataque a caminho da usina nuclear Angra 2. O episódio aconteceu na BR-101 (Rodovia Rio-Santos), na altura do bairro Frade. Segundo a superintendência da Polícia Rodoviária Federal, houve uma troca de tiros entre policiais que faziam a escolta e criminosos, colocando em risco o transporte da carga.

No entanto, segundo a Eletronuclear, o ataque não teve relação com a carga e o comboio seguiu o caminho. Nada foi levado. A carga de urânio não precisou ser desviada e foi levada com segurança para as dependências da usina.

O ataque preocupou as autoridades do município. O prefeito da cidade, Fernando Jordão, comunicou o risco que o transporte da carga correu ao governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel. A prefeitura aguarda uma resposta dos Governos Estadual e Federal para o apelo por um reforço na segurança da cidade.

Quem souber alguma informação sobre os criminosos pode entrar em contato através do Disque Denúncia. O número do telefone é 0300 253 1177 (custo de ligação local). A população pode denunciar também pelo aplicativo "Disque Denúncia RJ", onde é possível enviar fotos e vídeos.

Urânio é o combustível das usinas

O urânio é a fonte de energia das usinas nucleares de Angra dos Reis. O processo acontece na separação dos átomos de urânio dentro do reator. O calor gerado neste processo aquece a água do sistema, que se torna vapor e movimenta a turbina. O gerador elétrico acoplado ao eixo da turbina produz eletricidade. Cada recarga de urânio representa um terço da capacidade total de cada usina.

O elemento combustível que foi transportado no comboio não é radioativo. Ele se torna um material de risco apenas durante o processo na usina, dentro do reator, onde o local é protegido e o acesso é restrito.

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.