• Fonte: Prefeitura de Ilhabela

Escola de Ilhabela desenvolve projeto com foco na oralidade das crianças da educação infantil

A “Aulinha” tem como objetivo desenvolver a oralidade em forma de exposição, a partir do conhecimento de mundo próprio.

Foto: Divulgação/PMI

Os professores da rede municipal têm autonomia para promover projetos que colaborem com o desenvolvimento dos nossos alunos. Por isso, a Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Educação, apoia o miniprojeto “Aulinha”, implantado na E.M. Terezinha de Jesus Ferreira, na Barra Velha.

A “Aulinha” é um pequeno projeto, idealizado pelo professor Fernando Miyashiro, que leciona para os alunos da Fase II-A na unidade, e visa desenvolver a oralidade em forma de exposição (“aula”), a partir do conhecimento de mundo próprio da criança.

A proposta foi apresentada em reunião de pais e aprovada unanimemente. “A criança escolhe um assunto para expor à classe (geralmente algo que gosta), e junto com a família, confecciona um cartaz explicativo com imagens, desenhos e pequenos textos. Para tanto, leva para casa uma maleta com alguns materiais (cartolina, cola, tesoura, giz, canetinhas, lápis de cor e régua)”, explicou Miyashiro.

Com o projeto, espera-se que as crianças possam desenvolver a oralidade e conferir voz ativa. “A ‘Aulinha’ amplia o vocabulário, contribui para o uso da criatividade e oportuniza momentos de pesquisa junto aos familiares”, salientou a coordenadora da unidade, Fábia Dória.

Para a secretária de Educação, Ana Paula dos Santos, “as escolas do arquipélago têm características distintas e singularidades, por isso, as direções e coordenações das escolas têm autonomia para criar e aplicar projetos que melhor se adaptem ao público por ela atendido”.

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.