• Fonte: Prefeitura de Caraguatatuba

Obras de esgoto do Jardim Gaivotas, em Caraguá, já somam mais de dois quilômetros de redes assentada

O empreendimento, bastante aguardado pela comunidade, contemplará todas as ruas do bairro e atualmente está em execução nas ruas Cardeal, Tuim, Falcão e Bico de Lacre.

Foto: Divulgação/PMC

Em execução desde o início de março, as obras da Sabesp em parceria com a Prefeitura de Caraguatatuba, para o bairro Jardim Gaivotas, seguem o cronograma previsto, com um total de 2.200 metros de redes coletoras de esgotos assentadas.

O empreendimento, bastante aguardado pela comunidade, contemplará todas as ruas do bairro e atualmente está em execução nas ruas Cardeal, Tuim, Falcão e Bico de Lacre.

Serão investidos R$ 14,5 milhões para a implantação de 19 km de tubulações, com prazo de término para 24 meses, em benefício de 8 mil pessoas. O empreendimento contará com estações elevatórias e redes que possibilitarão a coleta, afastamento e tratamento de esgotos de 1.954 imóveis.

As ruas estão separadas em trechos de 100 metros e a produção diária com relação a redes assentadas é de cerca de 36 metros/dia. Esse trabalho é realizado em etapas: o assentamento da tubulação, o reaterramento da vala (aguardando a acomodação/compactação natural do solo) e por último a reposição do pavimento, que no caso do bairro Gaivotas é composto por bloquetes.

O Diretor de sistemas regionais da Sabesp, Ricardo Daruiz Borsari, na ocasião do lançamento da obra, destacou a importância do empreendimento para Caraguatatuba. “É de extrema importância, pois proporcionará saúde, desenvolvimento econômico e sustentabilidade para todas as atividades econômicas e sociais aqui realizadas. Saneamento é saúde”.

O superintendente da Sabesp no Litoral Norte, engenheiro José Bosco Fernandes de Castro, ressalta que há um desconforto por parte da população durante o andamento das obras, principalmente no que se refere ao período necessário para assentamento do solo e reposicionamento do pavimento. “Pedimos um pouquinho de paciência nesse período que é passageiro pois ao término do trabalho os benefícios são muitos. É importante destacar que o assentamento da rede não significa que a obra está pronta. A população deve aguardar a orientação da Sabesp para solicitar a conexão dos imóveis às redes da Companhia”, finalizou.

Mais esgoto

Novos investimentos em rede de esgotos estão sendo feitos. Em fase de ordem de serviço está o Sistema de Esgotamento Sanitário do Jardim Adalgiza, no valor de R$ 1,7 milhão para beneficiar 2 mil pessoas.

Além disso, a Sabesp liberou a obra do Sistema de Esgotamento Sanitário Jardim Califórnia com investimento de R$ 1 milhão e que vai beneficiar mais de 500 pessoas.

Plano Municipal de Saneamento

Dentro do Plano Municipal de Saneamento, estão previstos investimentos na ordem de R$ 434 milhões nos próximos 30 anos, sendo boa parte das obras de esgoto prevista para início ainda em 2019: Sistema de Esgotos do Golfinhos I (R$ 6 milhões e 370 ligações), ampliação da ETA do Porto Novo (R$ 17,2 milhões), ampliação da ETE do Indaiá (R$ 18 milhões); Sistema de Esgotos da Martim de Sá (R$ 7,6 milhões); Sistema de Esgotos do Jaraguazinho (R$ 7 milhões); ampliação da ETA do Massaguaçu (R$ 9,9 milhões); Sistema de Esgotos do Pegorelli (R$ 32,1 milhões); e Sistema de Esgotos do Golfinhos II (R$ 46,2 milhões).

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.