• G1 Sul do Rio e Costa Verde

Homem mata esposa em Angra dos Reis e pedala por uma hora com corpo enrolado em tapete

Mulher foi enforcada com uma chave de braço durante uma briga entre o casal e morreu asfixiada na frente da filha, de sete anos. Crime aconteceu no bairro Vila Nova.

Corpo foi enrolado em um tapete e jogado em um matagal — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Uma mulher foi assassinada pelo próprio marido na noite de domingo (20), em Angra dos Reis, na Costa Verde do Rio de Janeiro. De acordo com a Polícia Civil, ela foi enforcada com uma chave de braço durante uma briga entre o casal e morreu asfixiada na frente da filha, de sete anos. O crime aconteceu na casa deles, no bairro Vila Nova, em uma área conhecida como Tararaca.

A vítima é Maria Inês Rodrigues, de 41 anos. Ela trabalhava para uma empresa que faz coleta de lixo na cidade.

Maria Inês Rodrigues tinha 41 anos e trabalhava em empresa de coleta de lixo — Foto: Redes sociais

Ainda segundo a polícia, o marido é Diogo Soares da Silva, de 33 anos. Ele enrolou o corpo dela em um tapete, amarrou em uma bicicleta e pedalou por cerca de uma hora para jogar o cadáver em um matagal perto de um mirante às margens da Avenida Vereador Benedito Adelino (Estrada do Contorno).

A polícia chegou até o assassino após denúncias de que ele estava mantendo o corpo da mulher em casa. No entanto, quando foi questionado pelos agentes que foram até a residência, ele acabou confessando o crime e detalhando toda a história. O homem alegou que a mulher tomava remédios controlados e a discussão começou depois de um surto que ela teve.

Corpo foi jogado em matagal às margens da Estrada do Contorno — Foto: Divulgação/Polícia Civil

O corpo foi retirado do matagal e levado para o Instituto Médico Legal da cidade. Um laudo feito durante a autópsia vai confirmar a causa da morte da mulher. A previsão é que ele seja divulgado em 10 dias.

Após confessar o crime e indicar o local onde o corpo estava, o homem foi preso e vai responder por feminicídio. Ele trabalhava como autônomo oferecendo serviços de capina.

Diogo Soares da Silva, de 33 anos, foi preso na manhã desta segunda-feira — Foto: Redes sociais

[ Charge ]_______________________________

Deixe aqui sua opinião de tema e comentários

Obrigado! Mensagem enviada.